Saturday, September 11, 2010

Ajuda a uma borboleta

No dia 2/9/10 minha filha se deparou com nossa gata dando um tapinha em uma borboleta. Imediatamente tirou a gata de perto e me chamou.
Buscamos informações na internet de como tratá-la.
Pudemos constatar que se tratava de um “small white cabbage butterfly” e percebemos que as borboletas viam certas cores. Encontramos também um site onde diziam que estavam alimentando borboletas com uma solução de mel diluído (em água).
Resolvemos experimentar e deu certo. 
Nossa visita imediatamente começou a comer.







Mas aí percebemos que ela não podia voar. As perninhas estavam fracas. Talvez a gata tivesse lhe machucado.
A noite a colocamos no quarto de minha filha em cima de um papelão grande e trouxemos algumas folhas para que ela pudesse dormir. Ela se pendurou na folha e ficou assim por um bom tempo.
A acompanhamos dia a dia pedindo a D’us para que a ajudasse a voar.
Nosso pedido foi atendido na véspera de Rosh Hashana (8/9/10). Quando entrei no quarto de minha filha , a tarde, encontrei a borboleta tentando voar. A levantei rapidamente com a ajuda de uma folha (fiquei com medo que alguém a pisasse ou que a gata a pegasse) e saímos todos para o jardim. Ela ficou lambendo o mel que estava debaixo da folha. Depois deu um voo razo por entre minhas pernas e em volta, perto de meus filhos e parou no chão. Nossa gata estava debaixo do BBQ olhando e eu fiquei com medo que a atacasse e disse para minha filha:
"Talvez ela ainda não esteja pronta para voar".
A levantei novamente com a ajuda da folha para trazê-la de volta para casa, mas desta vez ela nos surpreendeu com um voo em direção ao nosso telhado nos mostrando que já estava prontinha. Que presente de Rosh Hashaná!.
Obrigada meu querido D’us. Eu o amo muito.